Cursos Online Ballet Fitness – Depoimento – Um Sonho à Serviço da Saúde e da Boa Forma

O balé – que fisga a maioria das pessoas que o praticam – se tornou moda do condicionamento físico em alguns países como EUA, Canadá, Londres e Brasil, entre os anos de 2008 a 2012. Muito cursos online ballet fitness pipocaram mundo à fora e ganharam as casas de milhares de mulheres.

No Brasil, os cursos online ballet fitness ainda não chegaram, mas algumas pessoas abriram franquias americanas em 2009 e, posteriormente, surgiram algumas ramificações da técnica que ganhou nomes e marcas registradas como Ballet Fitness Official da Betina Dantas, ganhando projeção a partir de 2014.

Por recebermos muitos pedidos de treinos de ballet fit online, convidamos a personal trainer e ex-bailarina do Balé da Cidade de São Paulo, Thais França, para desenvolver um curso online de ballet fitness especial: que fosse exclusivo e trouxesse o que tem de mais novo e eficiente na atualidade. Foi assim que nasceu o BALLET HIIT !! Se quiser saber mais sobre esse programa de aulas inovador, clique no botão abaixo e lhe enviaremos todas as informações:

botão treino online ballet hiit

A modalidade, que ainda é recente, tem origens mais remotas. Há muitas décadas bailarinos tem utilizado a técnica clássica para outros fins a não ser dançar ballet.

ballet condicionamento

Depoimento de uma praticante de ballet fitness

“Ainda me lembro o momento em que cheguei ao topo da minha carreira de ballet. De pé na primeira posição perfeita, o troféu nas mãos, com lágrimas nos olhos, e uma grande emoção no peito.

Ia ser, aos quatro anos, meu primeiro e último prêmio de ballet. Meus pais insistem em dizer que foi um alívio que, finalmente, deixei de ir para lá e para cá em festivais de dança, desde os dois anos, tempo suficiente para dominar uns poucos passos.

Ainda assim, passei meus anos de formação estudando livros de ballet e movendo os dedos dos pés, sonhando com a minha primeira apresentação profissional. Mas com o passar dos anos, os ornamentos da vida se apoderaram de mim e meus sonhos de estrelato de primeira bailarina diminuíram.

Eu gosto muito de comer, tenho uma tendência a cair andando em linha reta e nunca gostei da ideia de os dedos dos pés sangrando. Então, por que demônios me achei de novo nas barras, fazendo port de bras e tentando canalizar meu cisne interior?

Para mim, é parte vaidade – quem não gostaria de se ver tão ágil e harmoniosa como uma bailarina? Mas acima de tudo é a saudade. Se, de criança, alguma vez já assistiu a uma apresentação do Quebra-nozes, reconhecerá o arrepio melancólico.

Talvez por isso, agora, as aulas ballet estão cheias de mulheres maduras que esperam que, apesar de suas perspectivas de carreira na dança sejam limitadas, ainda podem recuperar parte dessa maravilha.

De fato, em minha primeira aula adulta, eu me encontrei com algumas mulheres da minha idade. Eu tinha achado que uma aula de ballet seria alegre – um pouco de saltar, um plié aqui outro ali. Mas não, isso é um assunto sério.

Nós trabalhamos diligentemente através de nossos esforços, com um toque sutil, aqui e ali do professor para corrigir nossa postura.

Me surpreende descobrir que, embora a maioria dos movimentos são precisos e isométricos (onde o músculo se tonifica sem se mover), eu fico suando muito com o esforço, e meus músculos tremem, literalmente.

Essa “exigência muscular” é o santo graal do treinamento com balé, o que significa que os músculos estão se esforçando ao máximo.

A saudade é inegável, mas o que realmente trouxe o ballet de volta para a corrente principal foi o lançamento do filme Cisne Negro em 2010. Este thriller psicológico pode ter sido um comentário sobre o mundo destrutivo e obsessivo do ballet, mas o que realmente acendeu a nossa imaginação foi o guarda-roupa rosa e cinza das estrelas Natalie Portman e Mila Kunis.

As marcas esportivas correram para lançar looks inspirados no ballet e todas acreditamos em nós mesmas, que mais uma vez era aceitável estar entre meias e sapatilhas.

Hoje eu pratico ballet fitness em casa, às vezes junto algumas amigas que se encantaram com a ideia de se exercitar enquanto aprendem alguns passos e posições clássicas. Os cursos online ballet fitness são uma ótima opção para quem não tem tempo de ir à academia, ou mesmo, para quem tem filhos e trabalha fora.

Todas nós que praticamos os cursos online ballet fitness trocamos experiências semanalmente, junto ao suporte do curso. Nós sentimos uma melhora exponencial na autoestima, na desenvoltura e nas formas mais delineadas do corpo. ” Susan E.

Cursos Online Ballet Fitness

curso ballet fit online

A bailarina profissional e guru do fitness Mary Helen Bowers treinou Portman para o papel e foi pioneira na tendência do fitness baseado no ballet.

Seu estúdio de Nova York, Ballet Beautiful, atrai modelos e atrizes, assim como milhares de mulheres de todo o mundo que se conectam às suas aulas e cursos online de ballet fitness. E como a maioria das tendências, onde Nova York abre um caminho, o Reino Unido segue.

Niki Rein fundou a cadeia de estudos Barre Core em Londres, em 2009.

“Não tinha formação em dança, era jogador de futebol”, ri. “Eu gostava de levantar pesos na universidade, mas eu punha os músculos com facilidade e nunca me senti tão feminina como eu teria gostado. Me introduziram ao fitness baseado na dança e isso transformou o meu corpo e a minha mente. ”

Aqui no Brasil ainda não temos cursos online ballet fitness voltado para prática de exercícios físicos baseado na dança clássica para pessoas que nunca fizeram balé, ou mesmo para aqueles que possuem algum conhecimento.

Por isso, nós do Ballet Fit Online organizamos um programa de aulas inovador, próprio para o físico e as necessidades das brasileiras, que querem manter a boa forma física e a saúde, através de uma atividade prazerosa e até, desafiadora.

Notamos que os cursos online têm muita aceitação em países desenvolvidos, e há muitos anos esse tipo de curso têm proporcionado mais mobilidade e flexibilidade de tempo, espaço e opções para adequar objetivos particulares das praticantes.

Assim, para realização do curso de Ballet Fit Online, chamamos a bailarina e personal trainer Thais França, famosa nos palcos do Brasil com cias como o Balé da Cidade de SP e idealizadora do programa Transforma15, um treino online focado no emagrecimento.

bailarina e personal trainer do ballet hiit

E, como a responsabilidade é grande, estamos reunindo um material completo, capaz de abarcar diversos públicos, mas acima de tudo que seja seguro e eficaz. Nada de enganação.

Entre em contato conosco para maiores informações clicando no botão abaixo:
saiba mais sobre o ballet hiit

Agradecemos a sua participação. Abraços e até mais!

6 comentários sobre “Cursos Online Ballet Fitness – Depoimento – Um Sonho à Serviço da Saúde e da Boa Forma

  1. Olá, tenho bastante interesse no ballet fit, tenho uma curiosidade também, é necessário qual formação para poder lecionar o ballet fit?
    Assim que obtiverem o projeto completo, gostaria de recebê-lo também!!

    • Olá Letícia! Seja bem-vinda!
      Para lecionar Ballet Fit é necessário ter formação em Educação física e conhecimentos em ballet clássico.
      Estamos preparando tanto os treinos para fazer em casa como um curso de formação para professores.
      Assim que estiver pronto, enviaremos todas as informações!
      Leia também a entrevista que fizemos com a instrutora e mestra Thais França, onde ela responde muitas dúvidas!

      Abraços!

    • Olá Kelly! Estamos em fase de produção, avisaremos assim que estiver pronto.
      Agradecemos o seu interesse. Abraços!

Deixe um comentário

WhatsApp chat